Notícia

Lucro no semestre cresce 38,5% e atinge R$ 8,679 bilhões

Lucro no semestre cresce 38,5% e atinge R$ 8,679 bilhões
quinta-feira, 08/08/2019

O Banco do Brasil divulgou o balanço referente ao primeiro semestre de 2019, que apontou a obtenção de lucro líquido de R$ 8,679 bilhões, com crescimento de 38,5% em relação ao valor apurado nos seis primeiros meses do ano passado.

No segundo trimestre, o lucro foi de R$ 4,4 bilhões, resultado que representa alta de 36,8% na comparação com mesmo período de 2018.

Segundo o banco, o resultado foi influenciado "pelos aumentos da margem financeira bruta e das rendas de tarifas além do controle de custos, que desempenharam abaixo da inflação".

Ainda de acordo com o balanço do BB, as receitas com prestações de serviços e tarifas bancárias cresceram 9,5% em relação ao primeiro trimestre e chegaram a R$ 7,439 bilhões no trimestre encerrado em junho. Já as despesas administrativas totalizaram R$ 7,649 bilhões, recuo de 1,1% na comparação anual.

O retorno sobre o patrimônio líquido atingiu 17,6%, ante 16,8% no trimestre anterior. Apesar da alta, o desempenho segue abaixo do registrado pelos concorrentes.

Acionistas recebem R$ 1,229 bi em dividendos

O Conselho de Administração do Banco do Brasil aprovou a distribuição de R$1,229 bilhão a título de remuneração aos acionistas sob a forma de JCP (Juros sobre Capital Próprio). Os valor a ser pago por ação é de R$ 0,441, com base na posição de 21 de agosto.

No segundo trimestre, foi distribuído R$ 1,7 bilhão em forma de JCP, valor 78,2% maior na comparação com o segundo trimestre de 2018.

Fonte: Financenews